segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

...carne artificial...o que nos espera...

Ainda ninguém provou o produto, mas daqui a cinco anos poderá estar à venda nos supermercados carne artificial. Ou seja: carne criada em laboratório, não proveniente de nenhum animal morto. Os defensores dos direitos dos animais já vieram saudar os resultados da investigação. Resta saber se a carne é saborosa.
Os cientistas extraíram células musculares de um porco vivo e colocaram-nas numa solução de produtos animais

Investigadores holandeses criaram um produto descrito como um pedaço húmido de carne de porco e estão agora a investigar outras maneiras de melhorar o tecido fibroso comestível que, no futuro, se espera que as pessoas venham a adquirir.

Os cientistas extraíram células musculares de um porco vivo e colocaram-nas numa solução de produtos animais. As células multiplicaram-se e criaram tecido muscular. A partir deste resultado é possível criar produtos semelhantes a bifes, caso seja possível desenvolver uma maneira de “exercitar” o músculo.

Os grupos vegetarianos já vieram louvar a iniciativa, afirmando que não colocam qualquer “objecção ética” se a carne não tiver origem num animal morto, escreve o “Telegraph”.

A organização de defesa dos animais Peta - conhecida pelas suas campanhas contra o uso de peles de animais na confecção de roupas - já veio dizer que não levanta qualquer objecção.

A Vegetarian Society indicou, porém, que “a grande questão será garantir que as pessoas estão a comer carne artificial e não carne de animais que foram mortos”. “Será muito difícil etiquetar e identificar a carne, de uma maneira em que as pessoas se sintam seguras”, vaticina o grupo.

Mark Post, professor de fisiologia na Universidade de Eindhoven, indicou ao “Sunday Times”: “Aquilo que temos neste momento é um tecido muscular enfraquecido. Precisamos de encontrar uma maneira de o melhorar, esticando-o e moldando-o, mas nós chegaremos lá”.

“Este produto será bom para o ambiente e irá reduzir o sofrimento animal. Parece mesmo carne, as pessoas irão comprá-lo (...) É possível tirar a carne a um animal e criar o volume de carne anteriormente fornecido por um milhão de animais”, esclareceu Mark Post.
O projecto é apoiado pelo governo holandês e por uma marca de enchidos e surge depois da criação de filetes artificiais a partir de células musculares de peixes.

A carne produzida em laboratório poderia evitar a emissão de gases de efeito de estufa para a atmosfera que resulta da criação de gado.

Estima-se que o consumo de carne e de produtos lácteos possa duplicar até 2015 e que o metano que se liberta durante as actividades relacionadas com a criação de gado seja responsável por 18 por cento dos gases de efeito de estufa lançados para a atmosfera

in Público

sábado, 28 de novembro de 2009

Terrorismo islâmico...e cristão!

Este é dos assuntos em que penso bastante.

O Terrorismo islâmico, também conhecido como  terrorismo jihadista, é o terrorismo religioso praticado por aqueles cujas motivações estão enraizadas nas suas interpretações do Islão.

Estatísticas recolhidas pelo Centro Nacional de Contra-Terrorismo dos Estados Unidos indicaram que o "extremismo islâmico" foi responsável por aproximadamente 25% de todas as fatalidades por terrorismo no mundo inteiro, e por uma maioria de fatalidades pelas quais a responsabilidade pôde ser concludentemente determinada. Esses actos de terrorismo incluiram desvios de aviões, decapitações, raptos, assassinatos, ataques suicidas e ocasionalmente, violações.

O maior acto de terrorismo islâmico talvez tenha sido o atentado às Torres Gémeas nos Estados Unidos. Outros ataques proeminentes ocorreram no Iraque, Afeganistão, Índia, Israel, França, Rússia e na China. Estes grupos terroristas frequentemente descreveram as suas acções como jihad Islâmica. Frases auto-proclamadas de castigo ou morte, foram emitidas publicamente como ameaças, muitas vezes na forma de Fatwas.

Contudo, sempre que penso nisto, só concluo que:
 
O terrorismo religioso, seja na derivação que queiramos dar, foi algo que o ocidente criou.
Basta pensarmos, na história da humanidade, em que milhares de pessoas morreram por causa do espírito de Cruzadas em nome da religião de Deus, mas na realidade, o verdadeiro espírito era a avidez de glória e de riqueza. Quantas civilizações desapareceram,e pessoas que foram mortas, por causa do bom nome de Deus, e em que Deus, nada tinha e têm a haver com isto?

Ainda hoje no mundo ocidental existem organizações de terrorismo cristâs. Exemplos disto são:
 
Grupos terroristas cristãos católicos:

* Provisional Irish Republican Army.
* Official IRA
* Irish National Liberation Army (also known as the Catholic Reaction Force)
* Irish People's Liberation Organisation
* Continuity IRA
* Real IRA

Grupos terroristas cristãos protestantes:

* Ulster Volunteer Force
* Ulster Defence Association
* Loyalist Volunteer Force
* Red Hand Commandos
* Ulster Resistance
 
Terrorismo, por definição, é um método que consiste na utilização ilegal de força ou de violência planeada contra pessoas ou património, na tentativa de coagir ou intimidar governos ou sociedade para atingir objectivos políticos ou ideológicos.
 
Lendo o último paragrafo só me vêm à mente uma pergunta: "Quem é terrorista e quem não é?".
Digam-me por favor, que eu agradeço!
 
 
 
*Várias fontes (wikipédia, e outos sites não aconselháveis)

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

...Invictus...

...I'm the master of my fate, I'm the captain of my soul...


Nelson Mandela

domingo, 22 de novembro de 2009

...quero apenas umas calças...#3

Mais uma vez, ando a reunir roupa para dar.

Desta vez, vai ser para a Casa dos Pobres de Coimbra.

Ao pessoal de Coimbra meu amigo, e não amigo, que passam aqui os olhos, agradeço que vasculhem os vossos armários e vejam o que pode ser dado e digam-me (ruifsd@hotmail.com)

Aos que não são de Coimbra e leiam este blog, façam-no e entreguem nas entendidades junto de vocês.

...não custa nada...

Obrigado

sábado, 14 de novembro de 2009

...



Parte de cada um de nós para que isto aconteça...

...os meus olhos...



Olho para o Mundo e penso: "Será que anda tudo cego?"

Começo a acreditar, aliás, acredito, que Saramago têm razão no "Ensaio sobre a cegueira".
E quem não percebe este filme, jamais perceberá o mundo em que vivemos e o Amor. Simplesmente nunca irá perceber!
Não percebe porque não vê, anda cego.
Também não percebe porque Saramago diz que este mundo anda cego! E também não percebe porque é que a Julianne Moore não fica cega!
O Amor não percebe porque ama o amor, ou seja ama o amar, e não o amar alguém, (são tantas as pessoas que dizem que: "...eu gostava muito...de amar...") e  aí têm de pensar porque é que a julianne foi com o marido estando ele cego e ela não.

Como pessoas esta é uma obrigação vossa...

Já fiz este apelo mais do que uma vez!

Vão aos hospitais da vossa zona, principalmente, ao serviço de imonolugia, doar sangue para ver se podem ser doadores compatíveis (para alguém) de medúla.
Eu doei já algum tempo, e  até hoje a minha medúla não foi precisa, mas a tua, a dele, a do outro, daquela, pode ser compatível e pode fazer a diferença.
Às pessoas que com quem insisti, e o não fizeram, são pessoas que não entendem o valor de uma vida humana e não percebem o que é estar doente. Como outras que estiveram doentes, e continuam a não perceber o que retirar da doença, são egoístas porque pensam que são vítimas e dizem que nunca ninguém as ajudou e não percebem o que é ser ajudado.
Outras nem sonham com isto.
Vou deixar aqui um link de uma criança que poderia ser a minha filha, ou de alguém, sobrinho ou neto de outro alguém.

Esta é a Carmen e precisa da ajuda de alguém!

Ajudem, ou senão, não vos quero a ler este blog! Não são bem-vindos!

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Caim em mim e conclui...

...que se Saramago fosse Primeiro-Ministro, mandaria a ASAE inspeccionar a água benta nas igrejas...

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

XVIII Governo Constitucional...


Hoje tomou posse, o XVIII Governo Constitucional, liderado por José Sócrates que, após, as eleições de 27 de Setembro, foi indigitado pelo PR apresentar Governo.


Assim temos:

Primeiro-Ministro: José Sócrates

Ministro da Presidência: Pedro Silva Pereira

Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros: Luís Amado

Ministro de Estado e das Finanças e da Administração Pública: Fernando Teixeira dos Santos

Ministro da Defesa Nacional: Augusto Santos Silva

Ministro da Administração Interna: Rui Pereira

Ministro da Justiça: Alberto Martins

Ministra do Ambiente e do Ordenamento do Território: Dulce Pássaro

Ministro da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento: José Vieira da Silva

Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas: António Serrano

Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações: António Mendonça

Ministra do Trabalho e da Solidariedade Social: Maria Helena André

Ministra da Saúde: Ana Maria Teodoro Jorge

Ministra da Educação: Isabel Alçada

Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior: Mariano Gago

Ministra da Cultura: Gabriela Canavilhas

Ministro dos Assuntos Parlamentares: Jorge Lacão

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Ainda as eleições e novo governo...

As Eleições...


É a primeira vez que falo nesta temática desde o fim das eleições. Das europeias já tinha falado, e as autárquicas, são uma votação local pelo que...



Foi eleito mais uma vez um governo socialista, mas minoritário. Este vai ser um governo de política em politíca, aliando-se ora à esquerda ou à direita(?).





Esta legislatura, para mim, vai servir para observar duas coisas:

1ª - Realmente perceber o quanto os comunistas se preocupam com o país e com a sua governação.
2ª - Quanto tempo este governo minoritário vai aguentar até se dissolver.

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Sou forte, não gordo!!!!!

Hoje o google fez uma homenagem à minha BD favorita.



sexta-feira, 23 de outubro de 2009

domingo, 18 de outubro de 2009

Let's Do It Estonia

Agora em Portugal foi lançado o mesmo desafio: "Limpar Portugal" no dia 20 de Março de 2010.
Inscrevam-se e divulguem por favor:

http://limparportugal.ning.com

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

frase do dia...

"Quando um homem te rouba a mulher, não há melhor vingança do que deixar que fique com ela."

Sacha Guitry

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Black Eyed Peas "I got a feeling"

Simplesmente fantástico...vejam a coreografia até ao fim...

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

I Gotta Feeling - LIVE

Simplesmente fantástico...vejam a coreografia até ao fim...

Dia Internacional da Música


A data foi criada em Outubro de 1975, pelo «International Music Council», uma ONG, fundada em 1948 sob patrocínio da Organização das Nações Unidas para a Educação Ciência e Cultura (UNESCO), e que visa a promoção de valores de paz e amizade, por intermédio da música.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Legislativas 09

Numas eleições onde claramente, o alvo de mira, era José Sócrates, e não o PS, o país deu uma resposta, quanto ao que pensa sobre este. Sócrates claramente venceu estas eleições (e não o PS)! Destaco também o BE, com um resultado muito positivo, assim como o do CDS.

Houve dois episódios que precederam estas eleições, e que um deles ainda "anda no ar", que não tiveram a capacidade de provocar o dano pretendido. Aliás, tiveram um efeito inverso.

O despedimento da Manuela Moura Guedes, cujo aproveitamento político tinha como objectivo mostrar que ela fora despedida por pressões governamentais, falhou redondamente, pois este objectivo a existir, jamais ocorreria nesta altura (podendo alguns de vocês afirmar que foi por isso que aconteceu, mas sendo assim deixo no ar uma pergunta: " não era contra-prucedente nesta altura?"). Mostrou-se sim, que a linha editorial seguida pelo jornal da noite na TVI, era má demais, levando aos novos senhores da TVI acabar com ele. Aliás, era de esperar, depois da saída de Moniz da TVI.
Mostrou-se assim, que o executivo, tinha algumas razões de queixa, ao dizer que o jornal da MMG tinha uma linha editorial demasiado persecutória.
Outro episódio, é o das escutas do nosso PR.

Jamais em consciência, poderei afirmar que o gabinete do PR tenha um peso político significante na governação do país. O PR é periférico, e é pouco mais que adornativo. Se o PR nunca falou, nunca escreveu nada que seja de reconhecimento, e que cuja grande obra foi ligar a auto-estrada da parte sul á parte norte, não seria agora, que teria algo de muito importante a dizer.
Agora o “timming” deste caso, é propositado, e com um objectivo definido.

Talvez seja altura de o Presidente do PSD ser afastado de Belém. Por mim será!

domingo, 27 de setembro de 2009

Carl Sagan Cosmic Calendar

O Calendário Cósmico comprime toda a história do Universo em somente 1 ano.

Foi popularizada por Carl Sagan no seu livro Os Dragões do Éden e na série para televisão Cosmos, que o próprio apresentou.

(clique sobre a imagem para a ampliarem)

1 de Janeiro: Big Bang!

1 de Março: nascimento da Via Láctea.

1 de Agosto: nascimento do Sistema Solar.

1 de Setembro: aparecimento da vida (unicelular) na Terra.

1 de Novembro: aparecimento da vida multicelular.

15 de Dezembro: Big Bang Biológico. A Explosão Câmbrica deu origem à diversidade de vida que vemos actualmente.

18 de Dezembro: aparecimento das primeiras plantas.

21 de Dezembro: os primeiros insectos começam a dominar o mundo. 24 de Dezembro: aparecimento dos dinossauros.

25 de Dezembro: aparecimento dos mamíferos.

27 de Dezembro: aparecimento dos pássaros.

29 de Dezembro: um asteróide arrasa com o domínio dos dinossauros.

31 de Dezembro – 10 da manhã: aparecimento dos macacos.

31 de Dezembro – 21 horas: aparecimento dos hominídeos.

31 de Dezembro – 23h54m: aparecimento do homem moderno.

31 de Dezembro – 23h59m45s: invenção da escrita.

31 de Dezembro – 23h59m50s: as pirâmides são construídas no Egipto.

31 de Dezembro – 23h59m54s: nascimento de Cristo.

31 de Dezembro – 23h59m58s: Cruzadas!

31 de Dezembro – 23h59m59s: Pedro Álvares Cabral chega ao Brasil! Renascimento!

Fonte: O post Cosmos de Carl Sagan (no astroPT).

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

frase do dia...

"Leite" estragado é como "Louçã" partida! Não serve para nada...

sábado, 19 de setembro de 2009

.

Bem!
.
Mais uma nova etapa da minha vida!
.
Vêm aí "Management"(fica muito melhor que dizer Gestão, não?)!
.
Lá vou eu tirar o fato académico, que não rasguei, e que, já voltou a servir-me depois de ter perdido 7 kilos, do armário, e avançar pela latada que se aproxima aí! Ou não, pois já não tenho idade para isso, apesar de vontade não me faltar.
Mas na Queima não vou facilitar!!!!!!
Já que voltei, ao menos aproveito!
.
Vai ser uma viagem engraçada de três anos.
.
Se fiz engenharia mecânica (5 anos), isto também se faz!

E depois, vai ser como aquele programa da Mila Ferreira e do Nuno Graciano:

Vou ser o dr & eng. (que comentário piolhoso...).

Segunda começam as aulas!

E nada como um desafio...e quem me conhece, sabe que eu adoro um desafio!

Este parece-me mais complicado que um prato de moelas!

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

frase do dia...

Frase de Sócrates que se aplica a Manuela Ferreira Leite : "Só sei que nada sei!"

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Empowerment

.
O caderno de empregos do Jornal Expresso, traz um pequeno artigo, muito sucinto, aliás excessivamente sucinto, na minha opinião sobre “Empowerment”.
Fala sumariamente sobre o que foi feito numa empresa em que foi aplicado.

Contudo, este conceito que agora é tanto falado ao nível da sua implementação nas empresas, é um conceito já vigente na sociedade já há muito tempo.
Alguns movimentos cívicos têm o enpowerment como catalizador de sua existência.
E aqui vou distinguir o empowerment empresarial e o empowermet na história
:
Empowerment empresarial
.
È um modo de gerir recursos humanos que é baseado na delegação de poder (deployment da capacidade de decisão/confiança) , permitindo aos colaboradores de uma organização terem capacidade de decisão assegurando-se assim condições a estes de uma participação proactiva, mais efectiva e responsável nas suas funções assim como nas decisões da empresa.
Assim pode-se dizer que o Empowerment é:
• dar ao pessoal a autoridade para fazer mudanças no trabalho em si, assim como na forma ele é desempenhado
• empowerment é o reconhecimento e liberação dentro da organização do poder que as pessoas já possuem na riqueza de seus conhecimentos úteis e na motivação interna
• empowerment é um conjunto de procedimentos que buscam a interação e o envolvimento das pessoas com o trabalho e que as impulsionam a tomar iniciativas e a interferir com ações no processo produtivo
• empowerment significa conseguir o comprometimento dos empregados em contribuir para as decisões estratégicas com o objectivo de melhorar o desempenho da organização
• empowerment é uma referência muito comum na década de 80 baseada na mudança de atitude voltada para o envolvimento dos funcionários nos processos de inovação
• empowerment consiste da capacitação e da valorização do funcionário para inovar
Vantagens do empowerment
• Contribui para o desenvolvimento das capacidades dos colaboradores
• Promove o enriquecimento das tarefas dos colaboradores, tornando-os mais motivados
• Promove um ambiente motivador em toda a organização
• Pode contribuir para a melhoria da qualidade das decisões se o colaborador possuir mais conhecimentos, informação e capacidades do que o líder
• Permite aos colaboradores mais talentosos prepararem-se para virem a ocupar lugares de mais responsabilidade no futuro
• Contribui para que os colaboradores se empenhem na implementação eficaz das decisões
• Os colaboradores habituam-se a decidir por si próprios, ficando assim mais habilitados a decidirem nas ausências e/ou impedimentos do líder
.
3 factores - chave
• compartilhar informação
• criar autonomia através de limites
• substituir hierarquia por equipas
.
Desenvolvimento de competências-chave
• Estimular o trabalho colaborativo no seio das equipas de trabalho
• Estabelecer grupos de trabalho que favoreçam a aprendizagem recíproca com outras pessoas
• Promover a participação de todos na monitorização dos resultados
.
Empowerment na história
.
• empowerment pode ser definido como o meio pelo qual as pessoas adquirem maior controlo sobre as decisões que afectam as suas vidas
• ou como mudanças em direcção a uma maior igualdade nas relações sociais de poder
• aumento do poder e/ou da autonomia pessoal e colectiva de indivíduos e grupos sociais nas relações interpessoais e institucionais, principalmente daqueles submetidos a relações de opressão, discriminação e dominação social.
.
Ou seja:
.
O conceito de empowerment , pode ser definido como um processo de reconhecimento, criação e utilização de recursos e de instrumentos pelos indivíduos, grupos e comunidades, em si mesmos e no meio envolvente, que se traduz num acréscimo de poder - psicológico, sócio-cultural, político e econômico - que permite a estes sujeitos aumentar a eficácia do exercício da sua cidadania. O caminho histórico que alimentou este conceito tem sido um caminho que visa a libertação dos indivíduos relativamente a estruturas, conjunturas e práticas culturais e sociais que se revelam injustas, opressivas e discriminadoras, através de um processo de reflexão sobre a realidade da vida humana.
.
Exemplo disto são:
.
- Movimentos anti-colonialistas – India e Africa por ex.
- Movimentos de cidadania – direitos cívicos e Poder Negro nos EUA
- Feminismo

..jornalices....

É impressão minha, ou cada vez mais o "Expresso" está mais ou ...?

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

frase do dia...

...cada dia é uma pequena vida...
.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Frase (má) do dia...

.
Se és capaz de sorrir quando tudo deu errado, é porque já sabes em quem colocar as culpas...
.

domingo, 6 de setembro de 2009

Amália Hoje - A Gaivota

Deixo-vos aqui...que é um Projecto de Nuno Gonçalves (The Gift), Fernando Ribeiro (Moonspell) e Paulo Praça.
Vão estar dia 2 no CAE na Figueira da Foz

Os limites….



É uma das questões mais faladas pela humanidade! Qual é o limite de um ser humano?

Eu disse há uns dias num blog aqui perto que as pessoas são ilimitadas dentro dos seus limites. Afirmei-o!

Contudo reconsidero, e vou afirmar algo totalmente diferente!

Pessoas normais em condições normais NÃO TÊM LIMITES! Não têm limites, para além dos limites temporais, entre o seu nascimento e a sua morte.

Explico:

Eu, há uns anos atrás tive um severo esgotamento, aliás, um estado depressivo que durou vários anos.
Nunca tive o porquê de esconder isto de ninguém. Assumo-o É a história da minha vida e não tenho medo de falar sobre isso ao contrário de muitas pessoas.
É o meu “EU”!
No dia que tomei consciência do meu problema, afirmei junto da minha família, que iria sem sombra de dúvida alguma curar-me, demorasse 1 dia ou 10 anos. Não foi um dia mas tb não foram 10 anos.
Contudo, foi um pouco mais difícil do que esperado! Com o esgotamento, veio também uma doença chamada Fobia Social ( estima-se que 14% da população mundial sofra disto), que veio em muito atrasar esta recuperação, que durante muito tempo não soube que tinha!
Este foi o maior desafio da minha vida! Foi a “Mein Kaft”.
Durante este tempo, a minha percepção da realidade ficou completamente alterada e sujeitei-me a um auto-infligido ostracismo, por não conseguir interagir devidamente com o mundo.
E claro ser FS exponenciou para pior esta situação.
Posso-vos dizer que introduz algumas noções de barreiras pessoais, muito complicadas de serem geridas para quem mentalmente não seja bem estruturado.
Eu há uns anos ainda no liceu, por volta do 7ºano, pelo facto de ser muito activo, fui visto por um psicólogo e em que realizei uma série de testes, e em que um dos resultados foi que eu conseguiria tudo a qe me propusesse, e que reunia as condições para faze-lo. Isto é quase 100% verdade! Não entrei em medicina por 3 décimos – décimo, décimo primeiro e décimo segundo – mas foi por pouco.
Mas consegui o curso que sempre quis tirar.

Mas isto porquê?

Todo o meu percurso de procura de uma melhoria, perante a doença, foi feito totalmente por mim. Ao longo deste processo, todos os passos que dei foram feitos sempre na procura da cura. E sempre afirmei que chegaria onde achava que deveria estar! E cheguei!
Em momento nenhum, pensei em limites como definitivos.
Quando adoeci, procurei ajuda, quando vi que não estava a melhorar mudei de médico. E quando percebi que claramente que o que se passava não era lógico pesquisei e descobri-me: Era FS.
Ou seja, todo o meu percurso durante a doença, nunca foi conscientemente, de me fazer uma vítima, e de pensar que todo o mundo está contra mim e que me está a atacar. Nunca cultivei um narcisismo doentio de pensar que era o centro do universo, e que tudo era relacionado comigo ou contra mim.
Procurei sim ir recorrendo aos melhores para ficar melhor.
Um dos problemas das pessoas que passam por isto é o factor “coitada de mim”.
Eu, em alguns momentos, questionei-me sobre o facto de estar nesse estado. Contudo, a meu ver, e hoje tenho a certeza absoluta que estava certo por não me rever neste facto!
Uma atitude, proactiva sobre o problema é o único passo possível. Durante alguns anos, andei sem saber que era FS, mas dentro do período que precedeu ao facto de ter descoberto que era AS (descobri por mim próprio), nunca deixei de procurar em melhorar e de andar em frente. Neste período acabei o curso, mais tarde avancei com a especialização e a trabalhar.
Ou seja , doente, a estudar, e a trabalhar.
Posso dizer que foi algo muito complicado e quem acompanhou sabe disso, mas não foi o suficiente para desistir, nem para baixar os braços.
Jamais!
Ao longo desta fase após pesquisa descubro que tenho FS. Algo que para alguns é catastrófico! Para mim foi um alívio. Porque percebi-me! Enquadrei-me!
Passo seguinte, claro está, foi marcar consulta com “maior da aldeia” neste assunto.
A partir daí, se antes ainda equacionava barreiras, agora nem pensar.
Venci doença prolongada, curei-me, e mesmo, quando doente segui a minha vida para a frente.
E a prova disto é que ao longo deste processo fui ajudando algumas pessoas com FS, e as que seguiram os meus conselhos, alguns dos meus passos, e me ouviram, hoje estão bem e felizes. E essa felicidade que elas vivem, deixa-me feliz porque contribui de uma forma decisiva para isso. O que me leva a concluir que o caminho por mim trilhado foi o correcto.
Pode parecer que caio numa pseudo-arrogância e um narcisismo atroz, mas posso afirmar, que até hoje, não me vi limitado definitivamente em nada.
Tudo a que me propus consegui (situações que dependam só de mim e não também de terceiros)!
“Vini, vidi, vinci”, ou seja, ultrapassei os obstáculos, alcancei as minhas metas, e venci-as.

Por isso afirmo que pessoas normais em situações normais por factores endógenos não têm limites, por factores exógenos já tenho que aceitar.

sábado, 5 de setembro de 2009

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

frase do dia...

.

Pessoas inteligentes discutem ideias,

.
pessoas normais falam de ideias,
.

pessoas medíocres falam de... pessoas!

Questões pertinentes...#8

.
Quem inventou o "Papai Noel"?


.
Nota:
Não me falem em Saint Nicholas!

domingo, 30 de agosto de 2009

Bússola Eleitoral



Apresento-vos aqui, uma ferramenta, que permite ver o posicionamento no panorama político português de cada um, face às eleições legislativas de 2009.


Esta ferramenta é um mero indicador, nada mais que isso.

(carregar na imagem)


frase do dia...


...a inteligência é o bem, equitativamente mais bem distribuido no mundo!





Toda a gente pensa que a têm!

sábado, 29 de agosto de 2009

Um velho prazer...


Hoje fui jogar algo, que durante muito tempo foi, e é, ainda uma paixão minha.

Squach!


Não interessa o desfecho, interessa sim, é que voltei a jogar.
Tirei as aranhas à raquete e avancei!

Mas o que posso dizer, é que indepentemente do resultado, ganhei!
Ganhei de volta, um velho prazer, e hoje ganhei uma hora de lazer (apesar de muito competiva).
.
Não sou um Pelé na coisa, mas levo algum jeito. E, jogado com quem saiba, que foi o caso, mais divertido e competitivo se torna (em termos físicos é muito exigente).
.
Muito bom! Próximo sábado...
.
E aqui não houve humilhados, houve sim dois vencedores, que se divertiram a jogar!
.
Nota:
Teclei este post com a esquerda porque o braço e a mão direita estão que nem podem!
O que me vale é que sou ambi-dextro! ;)



Frase (má) do dia...

.
Ganhar não é tudo!

Também é preciso humilhar o adversário!

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Imagens da minha vida...

.
O Rei, aliás, o Rui...e o Pelé!!
.


quarta-feira, 26 de agosto de 2009

ainda a lua...

Nirvana,

acho que uns golinhos de....

podem ajudar! ;)

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Cabeça na Lua...

.
Há 40 anos Neil Armstrong e Buzz Aldrin deram os primeiros passos na Lua. Um pequeno passo para o homem um gigantesco salto para a humanidade.

A Google, aproveitando a comemoração desta data, na versão 5 do Google Earth, criou uma ferramenta, que permite fazer uma visita virtual em três dimensões à Lua. Basta aceder, ao modo Lua, clicando no ícone de Saturno na barra de ferramentas.

A nova versão permite fazer uma visita em 3D à Lua, mas esta viagem têm como guia, Buzz Aldrin, que emprestou a voz para falar de alguns pontos sobre a lua.
.
Deixo-vos umas imagens:
.



Licença: Freeware
S. Oper: Windows/Mac/Linux
Download: Google Earth 5 [9.83MB]
Homepage: Google Earth

.

sábado, 22 de agosto de 2009

Questões pertinentes...#7

Qual o limite de um ser humano? Reformulando: as pessoas como pessoas têm limites?

Thank you very nice....

Referir um por um correria o risco de esquecer alguém!

Ao....,à....., aos...., vocês todos obrigado. Agradeço-vos a todos, e cada um pelas suas diferentes idiossincrasias.

Por isso deixo-vos um link:
http://felixahel.blogspot.com/

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Sambi não morras….por favor!


.
Vou partilhar com os que lêem este blog, aquela, que para mim, é das melhores anedotas de sempre, senão a melhor que já ouvi!


Ouvia-a por…As Palavras… de um grande amigo, e hoje é a única que nunca esqueço.

Aqui vai:

Sambi era um puro lusitano, de silhueta indiscritivel em qualquer quadro, de dorso bem dirigido, nobre e generoso, que tinha como grande amigo um porco.


Um dia o seu dono ao chegar à cavalariça, encontra o Sambi deitado! Assustado chama o veterinário.

Este chega, avalia, e afirma: “lamento, mas o seu puro-sangue vai morrer! Contudo, tenho aqui uma injecção, que o pode salvar! Vamos tentar! Daqui a 3 dias quando voltar, se ele não melhorar, vamos ter de abatê-lo!”

E assim foi!

O porco ouviu a conversa, e pensou para si: “ não posso deixar morrer o meu melhor amigo, tenho de o salvar”.
O porco a partir daí, passou todos os instantes ao lado do Sambi, a proferir palavras, no sentido de o pôr bom:


-“Roinc Roinc Sambi, levanta-te”
-”Roinc Sambi és o meu melhor amigo Roinc”
- “Roinc Sambi eles vão te matar”
- “Roinc Sambi és o meu melhor amigo”.

E assim foi, durante três noites e três dias:

- “Sambi roinc rionc…”
- “Sambi melhora roinc rionc”
- “Sambi…Sambi…Sambi…”

Ao fim de tarde do terceiro dia, voltou o veterinário. Analisou-o, e disse para o dono:
“Tenho aqui uns medicamentos que são a última salvação do seu puro sangue! Vamos experimentar, e dar mais dois dias senão tem de ser morto!

Dado o medicamento, a luta do porco continuou!

- “Sambi melhora roinc rionc”
- “Sambi…Sambi…Sambi…”
- “Sambi roinc rionc…”
- “Roinc Sambi eles vão te matar”
- “Sambi não morras roinc roinc”

No fim do segundo dia, o veterinário chega à quinta, e pergunta enquanto vão a caminho da cavalariça:

- “Melhorou?”

O dono respondeu não.

O porco ao ouvir isto virou-se para o Sambi e começou a dizer:

- “Sambi Sambi! Eles vêm aí! Eles vêm aí!”
- “Eles vão te matar! Levanta-te levante-te”

O puro sangue ao ouvir isto, abriu um olho a esforço, o segundo, e o porco “é isso Sambi vais viver”. Sambi relinchou, levantou uma pata ( e o porco “ Sambi estás vivo! Levanta-te”), levantou outra, e as de trás em seguida!


- “Sambi meu amigo adoro-te! Estava a ver que ficava sem ti!”


Sambi dá um coice, abrindo a porta da cavalariça, sai no seu andamento ágil e elevado projectando-se para diante, na direcção dos verdejantes campos em direcção ao pôr-do-sol

O porco ao ver isto diz: “ vai Sambi corre, corre que eles não te apanham e vive”

O dono apercebeu-se, e viu Sambi, a sair da cavalariça a correr. e exclamou:

“ Viva o meu puro sangue! Viva! Está vivo! Vivo! Vivo!”
e:
“ Sr. Dr.!"
" Sr. Dr.!
" Amanhã fazemos uma festa, convidamos a aldeia toda, fazemos um churrasco, matamos o porco….”

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Woodstock 1969 - Joe Cocker - A Little Help From My Friends -

Woodstock foi um festival de música anunciado como "Uma Exposição Aquariana", organizado na fazenda de 600 acres de Max Yasgur na cidade rural de Bethel, Nova York, de 15 a 18 de agosto de 1969. O festival exemplificou a era hippie e a contracultura do final dos anos 1960 e começo de 70. Trinta e dois dos mais conhecidos músicos da época apresentaram-se durante um chuvoso fim de semana defronte a meio milhão de espectadores. Apesar de tentativas posteriores de emular o festival, o evento original provou ser único e lendário, reconhecido como uma dos maiores momentos na história da música popular.

Este festival acabou-se mesmo por se tornar numa das maiores manisfestações humanas (esta contra a política militar americana no vietnam).

A partir daqui o Mundo nunca mais foi o mesmo..

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

...quero apenas umas calças...#2

Após, ter insistido com algumas pessoas no meu círculo de amigos, foram alguns que resolveram contribuir, e entregaram-me roupa que já não usavam para entregar (ver post ...quero apenas umas calças...).

Agradeço a alguns do grupo de basket da terça, e que lêm este blog. Agradeço à minha familia, e aos meus amigos que contribuiram.

Não é muito, mas são mais de 80 peças de roupa.

E anda aí pessoal de armários a abarrotar...

Nota: Se quiserem entregar roupa enviem-me um email.

Obrigado

...bitter People..

.
Num âmbito de uma conversa de café, veio à tona, algo a que chamo o Comportamento Pisca-pisca.
Ou, seja, falou-se das pessoas, que habilmente (pensam elas na sua santa inteligência), utilizam as redes sociais, e o msns para mostrar algo, e outros comportamentos mais.

O que raio vai na cabeça de uma pessoa, adicionar nestas redes alguém que tinha eliminado, para depois eliminar a seguir e o msn, outrora bloqueado, depois visível, e depois bloqueado outra vez, para mostrar algo à pessoa alvo disto?

Isto levanta uma questão:

Alguém que está preocupado em mostrar a sua felicidade com um alguém, a um terceiro alguém é felicidade? (Patologicamente isto têm um nome, mas não desenvolvo).
Não é de certeza absoluta! Parece-me mais desgosto, e frustação.

A que se deve?

Por alguém ter descoberto a verdadeira essência dessa pessoa, a verdade, ou ter visto além da máscara. O que será?

Mas o mais grave disto tudo, não é a terceira ser uma vítima, porque ninguém é vítima de uma pessoa destas quanto a este comportamento, porque este tipo de comportamento, põe a milhas as pessoas normais.

A vítima, é sim, esse alguém novo, pelo facto de se poderem passar aqui duas situações distintas muito graves.

Explico:

Ou, esse alguém novo, não sabe deste tipo de comportamentos exóticos, e está a ser “enganado” por omissão intencional (normal ), o que é grave! Ou se sabe, está a ser levado, a percorrer um caminho, apresentado normalmente só por um lado, e sem saber toda a informação, para saber o que se passa e passou! Ou seja, em ambas as situações está a ser manipulada (normal este comportamento), o que é grave!

Eu tentaria saber que não andava ou a ser enganado ou manipulado.

E levanto agora outra questão!

Que tipo de pessoa entra numa relação nova a pensar num terceiro? O que anda a fazer ali?É por estar fragilizada (mais que motivo para isto acontecer), não ter com quem ir ao café? _( Aconselho a ler aqui perto o post "Sem título" (umdiadecadavez09.blogspot.com) ).

É pelo facto de essa nova pessoa ter uma fisiologia, claramente já definida na pessoa a encontrar (e que segundo ela é por aí que vêm a felicidade) seja ele o Miguel, ou o João, desde que seja daquele Tipo de rapaz?

A nova pessoa mais uma vez é vítima.

Mas pergunto! O que ama ela? Aconselho a ler um texto num blog aqui perto! É caso para dizer “Quem amo eu, afinal" (iblogyouplease.blogspot)?”.

Independentemente de tudo, eu acredito que há pessoas que conseguem ser felizes assim.

E espero que as pessoas o sejam!

Mas, três na alcofa, é difícil!
.
A pedido da Nirvana, e da Soraia,cá estão eles! ;)
.
.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

O Verão...

.
Chega o Verão, e só me apetece beber minis...

Pipocas no cinema é bom...

Uma das "cosas" que mais detestava, quando vivia no Brasil, era o facto, de que, nos cinemas onde ia, as pipocas serem com sal.

De volta, à Lusitânia casa, não falham as pipocas doces...

domingo, 9 de agosto de 2009

A génese...

.
Hoje vou falar sobre a génese do “As Palavras...”.

Teve a sua origem com o nome de “sambas” e era para ser um blog de um grupo de amigos. Acabou por se tornar o meu blog.
Durante muito tempo foi o “ As Palavras do Engenheiro”.

Porquê? Passo a explicar: Teve este nome, como crítica ao pedantismo dos Dr’s, Engenheiros e outros espalhados por este país a fora, que gostam de ser tratados pelos títulos.
Assumo claramente que foi uma crítica social.

Claramente, já perceberam que sou Engenheiro, mas posso afirmar abertamente, que quem me conhece, que, apesar de ser um motivo de regozijo enorme pessoal, não relevo importância ao facto de as pessoas possuírem ou não um habilitação superior.

Inclusive, grandes amigos(as) meus não têm essas habilitações. É-me igual se têm ou não.

Profissionalmente, sei que é um factor de diferenciação, assim como em outras coisas, pois que permite ganhar vantagens enormes sobre outros (paupérrima esta situação). Fora disto, para mim é mediocridade, exigir ser tratado assim, só porque se têm um curso superior.

Assim, agora já só é: "As Palavras..."

Raul Solnado

Hoje faltam-me..as palavras...
"Um pequeno discurso: Obrigado"
"Um grande discurso: Muito Obrigado"

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Suicidei-me!!!

Suicidei-me!
E deixei uma carta à polícia a dizer: " Sr. Inspector, não culpe ninguém pela minha morte. Deixo esta vida hoje porque, um dia a mais, e eu ficava completamente louco.

Explico-lhe Sr. Inspector:

Tive a desgraça de casar-me com uma viúva que tinha uma filha (se soubesse não teria me casado). Meu pai, para maior desgraça, era viúvo, namorou e casou-se com a filha de minha mulher. Resultou daí que minha mulher se tornou sogra do seu sogro. Minha enteada ficou a ser minha mãe, meu pai era ao mesmo tempo meu genro. Para meu desespero, após algum tempo minha filha trouxe ao mundo um menino, que veio a ser meu irmão. Pouco tempo depois, minha mulher também deu à luz a um menino que, como irmão de minha mãe, era cunhado de meu pai e tio do seu filho, passando minha mulher a ser nora da sua própria filha.
Eu, Sr. Inspector, fiquei a ser pai da minha mãe, tornando-me irmão do meu pai. Minha mulher passou a ser minha avó, já que é mãe da minha mãe e assim, acabei por ser avô de mim mesmo. Não suportei ..."

O inspector leu... e matou-se também!

Curiosidades...

Hoje no dia 7 de Agosto há um pequeno fenómeno com a data.

Às 12:34:56 do dia 07/08/09 temos os algarismos de 1 a 9 todos seguidos.

Vez única no milénio.

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Questões pertinentes...#6

Esta não é pertinente.
Sempre que ouço a "Ana Free" a cantar, vêm-me sempre uma pergunta à cabeça!

"Ana Free" não parece um nome de um tampão?

Lista do PSD - Conveniência Política...

.
Não sou clássico nem keynesiano. Não sou PS, nem PSD. Não sou anti-partidarista, mas sim, em certa medida apartidário.

Acredito em pessoas! (E nesse sentido, o sistema politico americano agrada-me bastante, porque têm mais a haver com pessoas do que o resto).
Acredito em pessoas, com capacidade de fazer a diferença, e audazes. Pessoas, que utilizam o facto, de serem incisivas, para provocar rupturas, introduzirem mudanças, e melhorias sem receios. Pessoas inovadoras, empreendedoras, e não agarradas a estoicismos.
Claramente, ao longo deste blog, já dei a entender, que me têm agradado o trabalho do nosso PM, e mais uma vez não o vou esconder.
Acredito, que ele têm tido a coragem de tomar resoluções, que jamais alguém tomaria em Portugal, sobre a égide de se tornar um líder impopular.

Contudo, este assunto, deixo para outro dia, que por si só, daria direito a um post interminável.
Hoje venho abordar, a escolha de listas pela parte do PSD.
Eu supondo que se fosse, social-democrata, estaria em xeque neste momento.

Eu, supostamente como social-democrata, inerentemente sou defensor de um sistema em que a liberdade política impera, onde a ideologia que cada um defende é uma escolha sua, e onde a liberdade política é uma escolha. Já não falo, por si só, no significado etimológico das palavras, que define, claramente o que defende uma social-democracia.

Mais uma vez, na escolha da lista à Assembleia da Républica, o Sr. Alberto João Jardim, faz parte desta lista.
Ontem disse, a uma entrevista, à Antena1, que fazia parte desta lista por solidariedade aos membros do seu partido, solidariedade aos membros da lista e solidariedade à Sra. Manuela Leite.
Tanto quanto sei, Alberto João, e dito por ele, que em funções, nunca esteve na Assembleia da República, nem quer exercer, somente estar no Governo Regional da Madeira.
Assim, acaba por ser uma candidatura virtual deste senhor.

Estrategicamente, a Sra. Ferreira Leite, teria sempre que incluir Alberto João nesta lista, primeiro, porque assim o eleitorado madeirense está conquistado, e claro é, que é muito melhor ter Alberto João a favor do que contra (basta imaginar o que aconteceria se não fosse incluído).
Mas na minha opinião, somente isto não pode ser suficiente!

Alguém que afirma publicamente que o comunismo devia ser exterminado, que faz da Madeira um feudo regido sobre um totalitarismo enorme, que desrespeita constantemente as instituições políticas portuguesas e os seus representantes (o que se passou com o presidente Cavaco Silva), e muito mais não pode ser incluído.

O sr. Alberto representa muito do que não deve acontecer na democracia! Influências, pressões, coação…

Gosto da Sra. Manuela Ferreira Leite, apesar de não a achar uma grande política.
E isto reforça a minha opinião.

Não se pode escolher alguém, só porque é conveniente politicamente.
E, é por causa disto, é que o Sr. Alberto, vai continuando a ter força dentro do aparelho do PSD. Têm se de desmarcar o PSD.

Agora, eu como social-democrata, como posso votar numa lista que têm alguém que vai contra o que acredito, ainda que seja por conveniência (mais grave ainda)??

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Superwoman...

Como sinto as dores dos outros através das minhas, dedico esta musíca a todas as mulheres e mães (minha, tua, dele, nossa, vossa,deles..)

domingo, 2 de agosto de 2009

Einstein e o mito da matemática....

O post "Questões pertinentes...#5 " foi feito para ter um seguimento.

A teoria da relatividade, em que falo nesse post, está ligada a Einstein.

Há um mito à volta deste Senhor, que é que, até "Einstein chumbou a matemática", ( e muito por esta estar errada).

Este mito é falso.

Einstein, um dia, quando confrontado com esta história, riu-se e respondeu: "Nunca fui reprovado em matemática" e "Antes dos quinze anos, já dominava cálculo diferencial e integral".(ver einstein na www)

E assim se desfaz o mito...

sábado, 1 de agosto de 2009

e já agora...

.
"A Mulher com o Melhor Físico do Mundo...."





Gentilmente "gamado" do blog do meu amigo Tubarão.
http://blogdotubarao.blogspot.com/




quarta-feira, 29 de julho de 2009

problemas no "As Palavras..."

Acredito já ter resolvido a situação.
Para quem têm o meu blog nas suas listas, e alterou, basta agora copiar o endereço.

ATT


Vivas a todos os que leêm este blog!

Estou a ter alguns problemas com o blog e o Twitter!
Quem tiver o meu blog na lista de blogues que segue, vai ter ao twitter.

Já estou a tentar resolver isto, tendo neste sentido contactado a twitter para resolver isto.

Por isso aconselho entrar normalmente como se entra noutra web page qualquer.

As minhas desculpas

terça-feira, 28 de julho de 2009

O amor...

Se a pessoa que amas
treme quando a abraças
Se sentes os seus lábios
ardentes como brasas
Se a sua respiração se agita
Se vês nos seus olhos
um brilho febril
Foge...que ela têm H1N1

domingo, 26 de julho de 2009

Growing old...

Num Blog aqui perto,a Nirvana, aflora ainda que de uma forma não muito aprofundada o “envelhecer”.

Ainda recordo-me do dia em que tive noção da minha mortalidade. Foi numa conversa de café, enquanto bebericava umas mines (ou seja, ao fim da noite estava bebado e a saber que ia morrer). Sei que por causa dessa conversa, andei três dias a arrastar-me, tal foi o impacto que teve em mim a noção de meu "parinirvana " (um dia qualquer).

Contudo envelhecer, foi sempre algo que nunca me incomodou, muito pelo contrário, a cada segundo que passa rumo ao meu fim, aprecio-o e desfruto-o ao máximo.
Está a dar-me um gozo enorme, pois para mim, cada momento que passa, é mais uma experiência e um aprendizado.

Este é daqueles assuntos, que é tabu para algumas pessoas e Doença para outras.
Pode ser chamado, de Gerascofobia (medo de envelhecer).

Num sentido mais lato, muitas vezes pode ser associado ao “síndrome de Peter Pan, apesar de nem todos os aspectos deste sindroma serem válidos.
È uma doença em que o “paciente” recusa assumir a sua realidade.

Como se caracterizam as pessoas com Geroscofobia:

São pessoas que valorizam e vivem uma “paranóia” de beleza, e de tudo o mais (num texto abaixo, já faço referência a isto). E claro, em casos extremos, de pessoas de estima reduzida acarreta consequentemente, insegurança pessoal e profissional.
A gerascofobia caracteriza-se por um medo constante, exarcebado e injustificado de envelhecer.
Esta fobia pode provocar falta de ar, tonturas, suores, boca seca, tremores, palpitações, dificuldade em raciocinar ou falar, falta de controle, despersonalização (sensação de estar fora da realidade) ou ataque de pânico.

Há factores associados a esta fobia e que estão relacionados com a história de vida da pessoa: a existência de outras fobias, baixa auto-estima, falta de realização pessoal (trabalho, educação) ou cumprimento de objectivos de vida (um carro, casa, namorar e casar), e outros.
Falamos de pessoas ansiosas ou com personalidade narcísica e que sobrevalorizam os bens materiais.
Além disso, o facto de saberem que vão perder os seus atributos físicos e poder de sedução (física) é fonte de angústia e sofrimento.
Esta patologia não atinge toda as pessoas e está relacionada com o crescimento de cada um (amadurecer).

Como se manifestam as pessoas com esta patologia:

São pessoas que passam horas ao espelho, quando param o carro em qualquer lado, viram-se para o espelho e procuram sinais de rugas, de borbulhas gastam rios de dinheiro em si próprias, para não envelhecerem. Praticam desporto em exagero, não comem,dietas,...
.
No caso das mulheres é “obrigatório” (pensam elas) estarem sempre e parecerem que têm 20 anos. Nem comem quase, mas quase que desmaiam a a abrir um frasco de perfume, (basta pensar que a maior parte dos casos de anemias verifica-se nas mulheres). Muitas vão à praia e passam o santo dia debaixo do chapéu por causa do sol. Outras não compram determinada coisa porque fazem-nas parecer mais velhas.
Os homens passam horas no ginásio, e escondem a sua idade a todo o custo, muitos pintam o cabelo, e muito mais.
(são comportamentos impostos pela sociedade).
Outro padrão comum a estas pessoas é o relacionamento amoroso com pessoas mais jovens em que vivem a paixão através delas e são felizes através dessas, e não através delas próprias (mas quando aparece a rotina, as coisas voltam a ser como eram). Contudo, a capacidade para conquistar alguém significativamente mais novo confere-lhes (pensam elas) a sensação de poder e de valorização. Mesmo que não parem o relógio, os gerascofóbicos assumem estes comportamentos de evitação porque isto permite enganarem-se sobre a sua verdadeira idade e, assim, reduzir os níveis de angústia e ansiedade.


Notas do E…
Alguns dos comportamentos aqui apresentados, assumo que também os tenho (não pinto o cabelo, rsrs), mas tenho-os, não por ter medo de envelhecer, mas sim, porque acredito que envelhecer pode ser feito com muita qualidade.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Internet...e o Parlamento Europeu

O Parlamento europeu, em Maio, avançou com uma proposta, que foi a votação, no sentido de limitar-se a utilização da Internet, na forma como a conhecemos, ou seja, sem restrições, sem limites e livre.

Aqui as operadoras fornecedoras, definiriam os conteúdos acessíveis.
Ou seja, passaríamos a ter uma NET nm formato idêntico à TV por subscrição (por cabo). Verificamos que
está-se a tentar implementar uma medida que limita o acesso à informação, e que defende censura.

Resultados desta votação:

A votação foi feita do seguinto modo:
Quem concorda com a internet livre (a favor),
Quem não concorda (contra)
Quem não tem opinião (abstenções)

407 votos a favor
GUE/NGL: Ilda Figueiredo, Miguel Portas, Pedro GuerreiroPPE-DE: Ribeiro e CastroPSE: Ana Gomes, Armando França, Edite Estrela, Elisa Ferreira, Emanuel Jardim Fernandes, Francisco Assis, Jamila Madeira, Joel Hasse Ferreira, Manuel dos Santos, Paulo Casaca57 votos

Contra:
PPE-DE (PSD): Assunção Esteves , João de Deus Pinheiro, Vasco Graça Moura171

Abstenções:
PPE-DE (PSD): Duarte Freitas, Luís Queiró, Sérgio Marques, Silva Peneda

Tivemos o resultado que tivemos nas europeias, e temos as legislativas brevemente, por isso pensem…

terça-feira, 21 de julho de 2009

Potencial pessoal, QE, Inovação e Inovação Pessoal

.

Não sei explicar o porquê, mas acredito que sempre soube avaliar o potencial de uma pessoa. Não sei se foi, já por ter gerido equipas, ou por outra razão qualquer. Simplesmente consigo.
Às pessoas que disse que tinham um potencial enorme (não o faço com todas porque em algumas não o vejo), consegui incutir-lhes que era possível irem muito mais além do ponto onde estavam, e vi-as a acreditarem nisto (gradualmente) e ultrapassar diversas situações (algumas complicadas como doenças, insatisfação profissional, baixa auto-estima) e excederem-se pessoalmente muito mais do que estariam á espera, estando muito bem hoje e felizes, após terem ultrapassado diversas situações.
Ou seja, são pessoas que antes eram imbuídas de um postura negativa e catastrófica, e hoje já nem se lembram disso, felizmente.
Contudo, o potencial de cada pessoa não é “tens e já está”. Têm de ser fomentado, e desenvolvido por cada um de nós no nosso dia-a-dia. Implica mudanças de comportamento, e de percepção do exterior para o interior, e do interior para o exterior, e de auto-análise.

Neste sentido, deixo aqui quatro textos, em que dois já tinham sido publicados previamente.

Seguem uma lógica de encadeamento. Apesar do segundo e do terceiro texto não serem tão claros, algumas das ideias contidas neles (são numa perspectiva organizacional na maioria) para serem enquadradas com o raciocínio apresentado, vão ter de ser extrapoladas nesse sentido.

1. Desenvolvimento Pessoal

Como se define o desenvolvimento pessoal e como relaciona-se ao potencial humano?

O desenvolvimento pessoal não se mede pelo sucesso financeiro, social ou externo.
Define-se sim pelos nossos esforços para desenvolver as nossas capacidades intelectuais, físicas e espirituais a fim de alcançar o potencial humano máximo (ou total). Neste processo, devemo-nos esforçar sempre, utilizando o máximo dos nossos talentos, capacidades e criatividade transformando isto sempre numa experiência enriquecedora para nós e que permite os outros beneficiar disto também.

Contudo, como actualmente, a cultura dos dias hoje é de uma gratificação imediata, e que preconiza uma ideia de enriquecer rápido
(enriquecer rápido pode ser substituído por bonito, magro, em forma, etc.).

Implica que se uma pessoa é rica, magra, ou bonita, logo será feliz.
Em vez de um crescimento e de desenvolvimento pessoais legítimo, estas ideias falsas levam as pessoas numa direcção oposta.
São muitas as histórias de pessoas que alcançam a riqueza e sucesso muito rapidamente, mas que logo a seguir “partem a cara” (como dizem os brasucas)

Estrelas de rock e de cinema, que são pessoas bonitas e abastadas financeiramente, que decidem terminar com a própria vida, porque são infelizes, a sua vida é oca, apesar do sucesso externo.
Não há passos rápidos, ou “corta-matos” no desenvolvimento pessoal
É um processo que implica reflexão, introspecção, extrospecção e auto-consciência, feitos de forma intencional.

O Movimento Potencial Humano

A ideia de desenvolvimento pessoal surgiu nos anos 60 com o movimento potencial humano que teve a sua origem, no existencialismo e na psicologia humanística. O objectivo era promover a ideia que as pessoas podem ter uma qualidade de vida excepcional, cheia de felicidade, criatividade, e realização pessoal quando se esforçam para alcançar seu potencial máximo.

Abraham Maslow, um psicólogo humanístico, apresentou a ideia da actualização pessoal constante, em que a realização pessoal conseguida por atingirmos um potencial humano elevado, é a expressão máxima da ida de um ser humano.
Na sua pesquisa, Maslow percebeu que encontrou que os povos auto-didactas, eram aqueles que eram mais criativos e espontâneos, que têm maior sentido de humor e lidam com facilidade com a incerteza que a vida traz todos os dias. Compreendem o que a vida têm para oferecer, têm uma grande preocupação com os outros, e para com os outros, e sabem apreciar de uma forma significativa, relações pessoais mais próximas.

Avançou com uma lista de comportamentos que podem conduzir as pessoas neste sentido. Estes incluem:
- Seja uma pessoa curiosa (não alcoviteira) e atenta como uma criança.
- Seja mente aberta e tente coisas novas.
- Seja honesto e não tenhas problemas em ser impopular só por discordar com alguém ou não agradar a todos
- Use sua inteligência (aquilo que está atrás da cara que se vê no espelho!)
- Trabalhe duramente em o que quer que seja que faz
- Encontre com quem você é, com o que você quer e com o que é mais importante para si.
- Não tenha medo de experiências novas.
- Tome a responsabilidade da sua vida e das suas acções (assuma o que faz, o que diz e porque o faz e diz).

Assim, o objectivo é desenvolver o “todo” de uma pessoa ou doas aspectos que caracterizam o ser humano: o físico, o emocional, o intelectual e o espiritual.
Para ser o seu " verdadeiro eu" significa sê-lo e ter a responsabilidade de o ser em todos aspectos supracitados.

O desenvolvimento pessoal, é então um processo para de ser o melhor que uma pessoa consegue ser, e assim alcançar o máximo potencial possível.
É uma viagem de auto-descoberta, auto-melhoria, e de auto-realização.

Questão pertinente #troca-o-passo
Não vos faz lembrar a Omnisciência do Dalai Lama?
Ver “Estágios da Meditação”.


2. QE- Quoficiente Emocional

Uma Questão de emoções...

A autocrítica, a crítica dos outros, a capacidade de compreensão, a tolerância e o "fair play" são características fundamentais para se ser bem sucedido no local de trabalho.
O quoficiente emocional passa exactamente por isso: avaliar a sua capacidade de usar as suas emoções. E é cada vez mais indispensável para o bom desempenho profissional.

Há quem defenda que a emoção representa tudo o que é contrário à razão e que uma pessoa racional não cede aos seus impulsos emotivos da mesma maneira que a emotividade nos obriga a não responder às directivas racionais. Na verdade, estas duas componentes complementam-se e é na sua fusão que se alcança a quase totalidade da essência humana. O homem é razão e emoção e é bastante difícil, senão mesmo impossível, conseguir distanciar as duas sem que uma delas não saia prejudicada.
Há sempre uma maneira de conseguirmos juntar as duas sem termos necessariamente de anular uma delas. Controlar as emoções é crucial para ter sucesso na carreira. Conhecendo os seus sentimentos e as suas emoções mais facilmente perceberá como aquilo que sente pode afectar aquilo que você faz. A autoconsciência emocional é indispensável para nos aperfeiçoarmos constantemente.
Identificando as nossas emoções, distanciando-nos delas, conseguimos ter uma melhor consciência do que sentimos e porque sentimos, ao mesmo tempo que conseguimos não nos deixarmos arrastar por impulsos que nos podem prejudicar.
Auto-avaliação: pare e pense com franqueza e honestidade em relação aos seus pontos fracos. Sendo autocrítico em relação às suas fraquezas consegue, mais facilmente, melhorar, evoluir e ultrapassar as suas limitações.
Confie nas suas capacidades: sem autoconfiança nunca vai conseguir ultrapassar os desafios diários que lhe vão sendo colocados.
Seja realista quanto aos seus pontos fortes para não cair nem na arrogância nem na falta de humildade.
Controle-se: não expluda nem deite tudo cá para fora sem pensar duas vezes naquilo que vai dizer. O que se diz não se pode retirar, mesmo que tenha sido dito de cabeça quente e que no fundo não seja verdade. Aqui é melhor que consiga racionalizar as suas emoções.
Seja de confiança: valores como a integridade, honestidade ou coerência distinguem os profissionais de hoje por serem cada vez mais raros de descobrir.
Pontualidade, disciplina e profissionalismo são igualmente apreciados.
Melhorar: sempre. Procure sempre fazer melhor mas sem cair em ambições desmedidas. Dê o seu melhor, vista a camisola.
Faça com que os objectivos da empresa se cruzem com as suas metas pessoais.
Optimismo: não deixe nunca que sentimentos negativos perturbem o seu desempenho ou afectem a sua boa disposição. Pense sempre que mesmo nas coisas más há um lado positivo e consegue-se sempre encontrar um lado bom.
Compreenda os outros: seja uma pessoa disponível e sempre disposta a ajudar os seus colegas. Mas também não se deixe enganar. Não ajude quem o prejudica. Saiba comunicar: ser extrovertido não significa necessariamente que se seja um comunicador nato. Saber ouvir e controlar o sentido de humor também é necessário para bem interagir com os seus colegas. Aproveite as oportunidades: aprenda a ser perspicaz e a ter visão para saber antecipar e agarrar as oportunidades antes de qualquer outro.
Conflitos: a melhor maneira de sobreviver a um conflito é detectando-o antes de ele aparecer e tomando medidas imediatas.
Tente promover a cooperação entre os seus colegas. Trabalhando em grupo mais facilmente se superam dificuldades e se alcançam objectivos. Duas cabeças pensam melhor que uma, mesmo quando o fim demora a atingir.
Na verdade, emotividade e racionalidade completam-se e é dessa forma que nos tornamos seres humanos melhores com capacidade para nos melhorarmos constantemente sabendo definir objectivos e estratégias. Valorize as suas emoções e melhore a sua carreira.

in "EXPRESSO" Publicada por E... em 2/15/2009 06:33:00 PM


3. Inovação e Inovar. De que falamos?

...

Mas o que é Inovação e em que consiste?

Peter Drucker* que é considerado por todos o pai da ecomomia moderna defendia que:““ An established company which in na age demanding innovation, is not able to innovate is doomed to decline and extinction”.Ou seja:“ Na era do conhecimento, as empresas estão destinadas a fechar, ou não podem competir nem prosperar sem recorrer á inovação.”
Se pesquisarmos, vamos encontrar várias definições de Inovação, entre as quais destaco:- É a conversão de conhecimento e ideias num benefício para uso comercial ou para o bem público.

Esse benefício pode ser pessoas, produtos, processos e serviços novos ou melhorados.
- É a exploração de novas ideias, incorporando novas tecnologias, design e melhor práticas que permitam competir eficazmente na economia global.
- É a criação de algo novo, especialmente produto ou novo modo de produção.
- É a criação de valor a partir de novas ideias, produtos, serviços ou processos de produção.
- É o processo de adoptar uma nova coisa, ideia ou padrão de comportamento numa cultura.Em suma, pressupõe-se uma criação de algo novo ou adopção de algo que possa gerar benefícios.

A INOVAÇÂO segundo Peter Drucker assenta em 5 Princípios:

1. “A Inovação deliberada começa com a análise das oportunidades.começa com aquilo a que se chama as opurtonidades de origens de inovação. Em diferentes áreas, origens diferentes terão importâncias diferentes em épocas diferentes”

2. “A inovação é simultaneamente conceptula e perceptiva. O segundo imperativo de inovação é pois ver, perguntar, ouvir”

3. “Para a inovação ser eficaz, tem de ser simples e focada. Só se deve ocupar de uma, senão confude. Todas as inovações eficazes são tremendamente simples”

4. As grandes inovações começam por ser pequenas, Procuram fazer uma coisa única.

5. Mas… uma inovação com êxito tem sempre por objectivo conquistar uma liderança, caso contrário criam uma oportunidade para a competição.

Contudo este conceito têm que ser implementado, e por si só não é suficiente.
Assim esta implementação vai estar associada ou vai incluir sectores da Gestão:
- Estratégica, com acompanhamento da evolução tecnológica e planeamento de longo prazo;
- Da Investigação e Desenvolvimento com determinação de viabilidade económica de projectos de I&D;
- do Processo de Desenvolvimento de Novos Produtos ou Serviços;~
- dos Factores que Influenciam o Sucesso da introdução de inovações tecnológicas no mercado ou na empresa;
- da Transferência de Tecnologia entre a empresa e as entidades externas;
- de Aprovisionamentos Tecnológicos e escolha de sistemas e equipamentos para os processos produtivo e de gestão;
- de Design de engenharia
- de Qualidade nos produtos e nos processos- de Recursos Humanos de elevada qualificação técnica.~

Contudo, existem 3 condições a que a Inovação deve obedecer:

1. Inovação é trabalho. Exige conhecimento e muita criatividade.
2. Para terem êxito os inovadores devem apostar nos seus pontos fortes.
3. A inovação vai ter incidências na economia e na sociedade. Vai provocar mudanças nas pessoas ou nos processos.
A inovação tem de estar próxima do mercado e orientada para ele.Assim verificamos que:Num mundo globalizado a inovação é o motor da economia.Para inovar é preciso criatividade. Esta pode e deve ser estimulada.
Para ter o processo de inovação sob controlo é necessário medir a inovação. É um processo complexo e difícil. Pode ser feito através de ferramentas da qualidade.Para a empresa crescer precisa de inovar e neste processo deve ter referências. Um “Benchmarking”(pode ser pessoal) adequado poderá fornecer indicações quanto aos sectores onde a empresa deve investir para melhorar o seu desempenho no mercado.

ver Wikipédia Publicada por E... em 6/12/2008 05:10:00 PM

4. Inovação Pessoal
As inovações mais significativas são sobre pessoas, não “coisas”.

O pensamento é que a inovação tecnológica é algo como o avião, o PC, PDAs, Post-It Notes.
As inovações no que somos que têm o maior impacto, no entanto, são as inovações na forma como as pessoas trabalham que se reflecte. Basta pensar na inovação organizacional com os exemplos do Taylorismo e do Fordismo.
Outra faceta da Inovação é a Inovação Pessoal ou seja, as mudanças intencionais que um indivíduo faz no seu pensamento, as emoções, ou de comportamento, para criar uma nova dimensão de desempenho. Vivemos em um mundo de enormes mudanças e constantes no local de trabalho.
A disciplina pessoal para a inovação deve obedecer a aprender constantemente, crescer e desenvolver novas competências e perspectivas relevantes para a alteração das circunstâncias - é crucial para o sucesso.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Hi5...o que está por detrás na génese deste nome?



A origem deste nome é baseada na forma de celebração criada nos USA, denomidada High Five (também conhecida por Hi5).



Um High Five é um gesto feito por duas pessoas, em que cada uma levanta na vertical a sua mão e bate na do outro na também vertical. Normalmente significa uma satisfação mútua para comunicar aos espectadores ou para alargar felicitações de uma pessoa para outra.


Como se costuma dizer..."Give me Hi(gh)5.



Nota: Este post não serve rigorosamente para nada (como tantos outros), mas apeteceu-me partilhar esta redudância com todos vocês que leiem "As Palavras..." ;)

domingo, 19 de julho de 2009

Esclarecimentos...do E...

Depois de um dia de trabalho de 17 horas, passo aqui muito à pressa, porque estou mesmo de saída para a praia da Barra, onde vou ter com uns amigos, e também para falar sobre a possibilidade de praticar Surf por ali, que comecei a praticar no Brasil quando lá vivi.

Venho fazer alguns esclarecimentos quanto aos meus posts para não haver análises incorrectas nem subversões do que escrevo.

Quanto às adendas, posso dizer que não deveriam existir, mas infelizmente têm de ser utilizadas. Tenho andando envolvido em alguns projectos, um relacionado, ainda que de forma indirecta, com a PT, outro ligado à Multimédia, que surgiu de uma conversa com uma aluna de multimédia de Coimbra, e mais alguns de natureza pessoal. Ou seja, algumas ideias que deveriam ser transpostas para os meus posts, muitas vezes não o são, ficando assim o raciocínio incompleto, e desde já as minhas desculpas por isto. Mas é como costumo dizer “ Mais vale a pena esquecer de pagar a cerveja do que entorná-la toda”.

Outra questão é a natureza de alguns posts meus.

Em todos os posts sobre comportamentos, que tenho posto por aqui, não pretendo enviar recados nem mensagens dissimuladas a algumas pessoas (tive alguns e revi a minha posição quanto a isso, era errada e faço “mea culpa”), nem atacar ninguém. Nestes só falo de comportamentos em geral das pessoas, e de situações que saem fora do meu círculo de amizades. Ressalvo que, as pessoas que são e foram importantes para mim, e de quem tenho presente, apesar de coisas menos boas, as coisas boas, não as incluo nestas críticas. Mesmo as que já não estão na minha vida não as incluo. Merecem, apesar de tudo o meu respeito, nem que seja por simplesmente terem acrescentando algo à minha vida, mesmo que isso não signifique que tenha sido algo tão bom.
Contudo, O “ Tiro duvidas…mail to: ruifsd@hotmail.com”, que tinha retirado, e que optei por recoloca-lo novamente, para cumprir o objectivo inicialmente proposto (surgiu para dar esclarecimentos a quem precisar sobre os meus posts, ou sobre o que quiserem).

Vou continuar a escrever o que julgo que devo escrever.
Agora, se haverão algumas pessoas, que ao lerem os meus posts, pensem que são dirigidas a elas, só posso afirmar que não o são.
Contud0, volto ao que já disse atrás, perguntem-me que eu respondo, basta… mail to: ruifsd@hotmail.com (até posso falar por telefone, caso seja necessário).


Vou calçar as Havaianas que já se faz tarde...

quinta-feira, 16 de julho de 2009

...Novas Oportunidades...

No seguimento de um post anterior deixo este carinhosamente plagiado de um blog por aí (Daliteratura.blogspot)
...
Acerca do programa das Novas Oportunidades, João Miranda escreveu este post.
De acordo na parte respeitante à (relativa) futilidade da auto-estima. Mas JM está mal informado. Há mesmo quem «não tenha conseguido o certificado das Novas Oportunidades» sem que isso fosse consequência de desistência prévia.
Isto dito, é vulgar ouvir pessoas de direita falar das Novas Oportunidades nestes termos: «Agora preenche-se um formulário e já está. Estudar para quê?» O facto é que não está. Tantos disparates destes ouvi, que procurei e consegui ter acesso ao dossiê de uma trabalhadora do privado, com mais de 50 anos de idade, e 10 anos de escolaridade, que se habilitou à certificação do 12.º ano. O que me chegou às mãos foi um dossiê com 208 páginas A4, complexo o bastante para quem não domine um módico de conhecimentos muito variados, que duvido fosse satisfatoriamente elaborado por grande parte dos recém-licenciados. (Conheço teses de mestrado bem mais pobrezinhas.) Uma excepção? Talvez. Nas Novas Oportunidades, como em tudo, haverá certificadores e certificadores. Esta senhora que dou como exemplo, com 34 anos de actividade profissional, resolveu a coisa em 4 meses. Mas muitos colegas seus (dela) tiveram de ter formação profissional pelo meio, só no fim obtendo o certificado. E, num grupo de 15, três não conseguiram.Claro que é (muito) importante saber em que medida a certificação fez diminuir o desemprego ou promove a progressão nas carreiras ou no estatuto profissional dos candidatos. Essa parte continua por esclarecer.

Questões pertinentes...#4

Esta não é uma pergunta pertinente, pelo menos não tanto como as outras!

Eu costumo dizer, que o segundo é o primeiro dos últimos, e o primeiro a ser esquecido!

O primeiro homem a pisar a lua foi Amstrong (apesar de, inicialmente estar definido pela NASA ser o co-piloto do módulo lunar e não ele).
Por isso a pergunta de hoje é:

Quem foi o segundo homem a pisar na lua?
(nada de ver na net!!!!:))

quarta-feira, 15 de julho de 2009

...

"Sugiro que a ASAE, agora, vá autuar os responsáveis pela salgalhada da sua criação e, logo a seguir, se feche a si mesma sem hesitações. Afinal, só estariam a cumprir a lei e a Constituição..."
Carlos Abreu Amorim, jurista, "Correio da Manhã", 15-07-2009

Ver ainda: http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1391654&idCanal=62

terça-feira, 14 de julho de 2009

Redes Sociais...

Há um conceito vigente na sociedade actual que são as Redes Sociais. São um meio de mantermo-nos em contacto com quem têm significado para nós!
Eu utilizo duas redes sociais, que são deveras interessante, porque permitem ir acompanhando, ainda que de uma forma muito pouco aprofundada, os meus amigos.

Mas, do que falamos, quando se fala de redes sociais?

...São as relações entre os indivíduos na comunicação mediada por computador. Esses sistemas funcionam através da interação social, buscando conectar pessoas e proporcionar sua comunicação. As pessoas levam em conta diversos fatores ao escolher conectar-se ou não a alguém. As organizações sociais geradas pela comunicação mediada por computador podem actuar também de forma a manter comunidades de suporte que, sem a mediação da máquina, não seriam possíveis porque são socialmente não-aceitas.O conceito de laço social passa pela ideia de interacção social, sendo denominado laço relacional, em contraposição ao laço associativo, aquele relacionado unicamente ao pertencer (a algum lugar, por exemplo). Os laços associativos constituem-se em meras conexões formais, que dependem de acto de vontade do indivíduo, bem como de custo e investimento. Os laços sociais também podem ser fortes e fracos. Laços fortes são aqueles que se caracterizam pela intimidade, pela proximidade e pela intencionalidade em criar e manter uma conexão entre duas pessoas. Os laços fracos, por outro lado, caracterizam-se por relações esparsas, que não traduzem proximidade e intimidade. As interacções sociais que ocorrem na Internet (em weblogs, fotologs e no Orkut) constituem efectivamente laços fortes. Declarações de amor, amizade e suporte são frequentes, demonstrando intimidade. Recebem também a definição de "Redes Sociais Virtuais", que são os agrupamentos, por meio de softwares específicos (aplicativos Web 2.0) que permitem a gravação de perfis, com dados e informações de carácter geral e específico, das mais diversas formas e tipos (textos, arquivos, imagens, fotos, vídeos, etc.), os quais podem ser acessados e visualizados por outras pessoas. Há também a formação de grupos por afinidade, com ou sem autorização, e de espaços específicos para discussões, debates e apresentação de temas variados (comunidades, com seus fóruns)…

in"wikipédia" at 15/07/2009